Paciente IEP Institucional
Home   >>>   Tipos de Câncer   >>>   Câncer de Testículo
 
Câncer Colorretal (Cólon, Reto e Intestino Grosso)
Câncer de Bexiga
Câncer de Cabeça e Pescoço
Câncer de Esôfago
Câncer de Mama
Câncer de Pele
Câncer de Próstata
Câncer de Pulmão
Câncer de Pâncreas
Câncer de Pênis
Câncer de Rim
Câncer de Testículo
Câncer de Tireóide
Câncer de Vulva
Câncer de Útero
Câncer do Estômago
Câncer do Fígado
Leucemia
Linfoma
Músculo-esquelético
Osteossarcoma
Retinoblastoma
Tumores da Família Ewing
Tumores de Sistema Nervoso Central (SNC)

Câncer de Testículo

O câncer de testículo é a neoplasia maligna mais comum em homens com menos de 45 anos de idade. Apesar de acometer pessoas geralmente jovens, há uma grande chance de cura na maior parte dos casos.

A criptorquidia (quando um deles ou ambos testículos não descem para a bolsa escrotal) é o principal fator de risco. Todos os homens que têm esse problema devem procurar um urologista para tratamento adequado.
O sintoma encontrado é um nódulo (“caroço”) endurecido e geralmente sem dor, além do aumento progressivo do testículo. Esse sintoma também pode ocorrer em outras doenças, como em inflamações. De qualquer modo é necessário procurar um médico para melhor avaliação.
É importante a detecção precoce. Para tanto, deve-se estimular os homens, principalmente os jovens e adultos a fazer o auto-exame do testículo. Ao tomar banho, é só palpar os testículos e observar a presença de nódulos (“caroços duros”) nos testículos. Caso encontre algo errado, procure um urologista para melhor avaliação.
 
Comunidade Contra o Câncer
Twitter Facebook Orkut YouTube Contato

Rua Antenor Duarte Villela, 1331 - Bairro Dr.Paulo Prata - CEP 14784-400 - Barretos -SP - 17 3321.6600
© 2012 - CliqueContraOCancer . Todos os direitos reservados